Atendimento
(11) 4993-5400
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
O Rondon Local existe desde 2013, período o qual intensificou suas ações com apoio da Prefeitura, na Vila de Paranapiacaba e Parque Andreense, através do Projeto Gênero, Saúde e Meio Ambiente (GSMA) no município de Santo André. 
 
A FMABC, com apoio do CESCO (Centro de Estudos de Saúde Coletiva), organiza atividades de integração comunitária na região do ABC, especialmente, em regiões periféricas e/ou em área de manancial. 
 
Experiência esta, baseada em ações do Projeto Rondon aplicada em áreas do Nordeste brasileiro. 
Colocamos em prática nosso plano de ação nestas áreas periféricas e de manancial de Santo André que duraram de 2013 até 2016. Período em que nos possibilitou levantar os resultados de três anos de intervenção universitária em parceria permanente com a Prefeitura, especialmente com a área de políticas para as Mulheres, em uma mesma comunidade.
 
Em 2017, em uma articulação planejada com o movimento jovem do Hip Hop da cidade e da comunidade da Kibon, nos integramos à população da ocupação, com as atividades de saúde, educação, justiça social, lazer e cultura. Sendo assim, nasce desta parceria o “Rondon Kibon”.
O Morro da Kibon tem como referência o “Tancão da Morte” que é o maior atrativo do Parque do Guaraciaba, área de preservação situada na divisa de Mauá e Santo André, região do Grande ABC. 
 
Por meio de um breve levantamento diagnóstico realizado na ocupação, através das visitas domiciliares e de ações de lazer com as crianças em 2017 e do nosso planejamento estratégico com a participação da comunidade em 2018, destacamos algumas características observadas: evasão escolar na juventude; baixa escolaridade; falta de acesso à informação; baixo nível sócio econômico; carência de auxílios governamentais como bolsa família, por exemplo, haja vista que atualmente este local é um dos maiores bolsões de Bolsa Família no município. 
 
Foi verificado também, casos de hipertensão e de diabetes; desconhecimento em saúde sexual e reprodutiva; gravidez na juventude; não acesso a exames essenciais como mamografia; violência doméstica e contra a mulher; “bullying”; e uso abusivo de drogas. 
 
Nos assuntos que permeiam os órgãos públicos diversos problemas de infraestrutura foram detectados. Assuntos como saneamento básico, descarte e depósito de lixo (resíduos), capitação e drenagem de água, condições adequadas de terreno e do solo, entre outros, são totalmente desconhecidos ou inimagináveis nesta comunidade.
 
Diante deste breve e desafiador panorama, formulamos ações, que envolve parcerias com movimentos sociais, poder público e ONGs, dentre outras. Ações que estão em pleno andamento, o qual, iremos avaliar e medir os resultados em novembro de 2018. 
As operações do Rondon Local da Kibon acontecem em finais de semana, sábados, domingos e feriados. O chamamento se dá a partir das inscrições efetuadas no link inscrições NUREC no site da FMABC. 
 
Importante ressaltar que os relatórios solicitados e a participação em reuniões de planejamento, formação e preparo das ações serão essenciais para a atuação nas “operações” e também para a posse dos certificados que vale hora complementar.
Venham conosco para o Rondon Local na Ocupação da Kibon/ Santo André!
 
Professores (as) Responsáveis: 
Profa. Silmara Conchão (saúde coletiva);
Profa. Juliana Mora Veridiano (citologia e histologia);
Prof. Gerson Salay (parasitologia);
Prof. Rodrigo Romão (gestão ambiental);
Profa. Narjara Pereira Leite (nutrição);
Profa. Roberta Boaretto (saúde coletiva);
Profa. Cintia Carniel.